quinta-feira, 23 de junho de 2011

sAPOS SENTADOS

Conquista de Si                  EDMUNDO TEIXEIRA



As pessoas, em geral, dispendem uma quantidade diária imensa de energia nas conquistas e aquisições externas, práticas do dia-a-dia.

Tudo bem, isso faz parte da própria pessoa, isso compõe a sua própria vida. O seu desenvolvimento vai acontecer nessa interação: pessoa-pessoa, pessoa-mundo. Esse aqui e agora, bem palpável, é o que temos em mãos, para exprimirmos o ser.

O problema é quando fica só nisso, por isso, é quando o meio passa a ser o alvo. É quando vivemos consumidos e comandados pelo mundo exterior, em vez de, pelo comando interior, nos relacionarmos e interagirmos.

Somos algo além disso, embora isso, seja tudo o que hoje temos para ser.

A conquista externa de qualquer coisa vale, quando não é, antes, voltada à aprovação dos outros, mas à conquista de si mesmo.

Um comentário:

  1. A nossa maior satisfação é a conquista da sabedoria de nós mesmos...conhecimento que nos guia para uma existência equilibrada emocionalmente, embora inexoravelmente, as oscilações da gangorra da vida continuem em nosso caminho...
    Sabedoria em nosso aprendizado...Beijos da Rô

    ResponderExcluir